logoface  logoyoutube  logoinstagram 



Depois de inúmeras reclamações contra o PROJUDI a OAB Cascavel promoveu hoje (20/08) em frente ao Fórum Cível, um ato de protesto para melhorias no Projudi, sistema de processo eletrônico da Justiça Estadual, que busca a informatização do processo, retirando burocracia dos atos processuais, afim de que se tenha celeridade. Porém os advogados estão encontrando mais problemas do que soluções quando se trata deste sistema. Segundo o presidente da OAB Juliano Murbach, foi um ato simbólico, com a intenção de sensibilizar o Tribunal de Justiça a buscar soluções urgentes para a melhoria do Projudi. Cascavel foi a primeira Subseção a realizar esta mobilização, que reforça a campanha iniciada pela Seccional “Projudi – Tô Fora/ PJe- Tô Fora”. Os advogados têm enfrentado sérias dificuldades de acesso e nem sempre as solicitações de restituições de prazos são atendidas. Durante a mobilização advogados relataram os principais problemas encontrados, e um dossiê deve ser encaminhado ao TJPR.

 

A OAB Cascavel atenta ao dia-a-dia de cada advogado tem trabalhado juntamente com a OAB Paraná na busca de melhorias e na capacitação dos advogados para o Processo Eletrônico. Uma das principais iniciativas da OAB PR é a instalação de Centros de Inclusão Digital e a promoção de cursos de Capacitação em Processo Eletrônico, inúmeras vezes realizados em Cascavel.
Entretanto, o sistema PROJUDI não apresenta níveis de qualidade adequados, comprometendo o acesso à Justiça. Muitas são as dificuldades relatadas à Ordem pelos advogados, sendo imediatamente solicitadas as restituições de prazos, entretanto nem sempre atendidas.
Na intenção de apoiar a OAB PR nesta luta, a Subseção de Cascavel convida todos os advogados, a participarem de uma reivindicação para melhora do PROJUD, que acontecerá em frente ao Fórum Estadual de Cascavel, nesta terça-feira (20/08/2013) a partir das 14h. Se você tiver problemas de acesso ao PROJUD, proteste! Venha participar desse ato em defesa do advogado!

LOCAL: Em frente ao Fórum Estadual de Cascavel
DATA: 20/08/2013 (terça-feira)
HORÁRIO: 14h

 

 

A OAB Paraná tem trabalhado incessantemente na capacitação dos advogados para o Processo Eletrônico. Entre as várias iniciativas estão a criação do Portal do Processo Eletrônico, a instalação de Centros de Inclusão Digital em diversas regiões do Estado e a promoção de cursos de Capacitação em Processo Eletrônico em várias subseções.
Entretanto, os sistemas PROJUDI e PJE não apresentam níveis de qualidade compatíveis com a segurança, funcionalidade, continuidade e eficiência, comprometendo o acesso à Justiça.
As constantes instabilidades desses sistemas e as dificuldades de acesso são relatadas com frequência à OAB pelos advogados, sendo imediatamente solicitadas as restituições de prazos, entretanto nem sempre atendidas.
Se você tiver problemas de acesso ao PROJUDI e PJE proteste:
PROJUDI – TÔ FORA
PJE – TÔ FORA

Disponível em: www.oabpr.org.br

 

17831 84017831 839

 

O presidente da OAB Paraná, Juliano Breda, esteve em reunião nesta segunda-feira (5) com o desembargador Francisco Rabello Filho, supervisor geral de informática e comunicação do Tribunal de Justiça do Paraná, para tratar dos problemas do Projudi. Foram solicitados aperfeiçoamentos,  mas o foco principal do encontro, foi a instabilidade do sistema. A indisponibilidade do Projudi tem sido frequente, impedindo o cumprimento dos prazos e causando graves transtornos aos advogados. Além de resolver os problemas técnicos que afetam o uso do Projudi, a OAB solicitou que o TJ estude uma maneira de dar pronta resposta quanto à devolução dos prazos, inclusive que o reconhecimento da indisponibilidade seja informado automaticamente. Participaram também da reunião a ouvidora-geral da OAB Paraná, Maria Helena Kuss, o presidente da Comissão de Tecnologia da Informação, Márcio Dumas, e o assessor da presidência da Seccional, Ricardo Navarro.

Disponível em: www.oabpr.org.br

Disponível em: http://www.oabpr.org.br/Noticias.aspx?id=17608

 

Uma pesquisa lançada pela OAB Paraná sobre Eleições na OAB apontou que 83% dos advogados paranaenses são a favor de eleições diretas para a presidência do Conselho Federal. Do total de 3.163 respondentes, 72,9% defenderam a adoção do voto facultativo e 27% afirmaram ser favoráveis ao voto obrigatório. Para 17% dos advogados que responderam à pesquisa, o atual sistema cumpre sua finalidade.

Por ocasião do Colégio de Presidentes das Seccionais, realizado em Belém, nos dias 25 e 26 de abril, foi deliberado que até o final deste ano será realizado um plebiscito sobre o voto direto federativo. Por este sistema, cada Estado escolhe de forma direta a Diretoria do Conselho Federal. No cômputo final, cada Estado representa um voto, sendo então definida a chapa eleita. 

A OAB Paraná defendia que o plebiscito também deveria promover a consulta sobre o voto direto puro (venceria a chapa mais votada no País), porém prevaleceu a posição do plebiscito sobre o voto direto federativo.

A enquete foi aberta no site da Seccional, no dia 5 de março. A OAB Paraná enviará ofício ao Conselho Federal, onde a matéria está tramitando, informando os resultados obtidos.

 

 

A OAB Cascavel realizou nos dias 26 e 27 de junho, em parceria com a OAB Paraná, o lançamento da campanha de Valorização dos Honorários Advocatícios na subseção. O evento teve início com uma assembleia aberta, que contou com a participação do Secretário-geral da OAB PR, Eroulths Cortiano Junior, que fez o lançamento oficial da campanha. O conselheiro estadual Nilberto Rafael Vanzo, responsável pelo evento em Cascavel, levou a frente discussões sobre o tema, expondo informações para instigar o debate. Durante a noite os advogados puderam expor suas ideias, questionamentos e sugestões para a valorização dos honorários.

No dia 27 a subseção recebeu o Vice-presidente da OAB PR, Cassio Lisandro Telles, que falou sobre os pontos que seriam o norte da campanha pela Seccional. As discussões da noite foram expostas pelos advogados palestrantes, Paulo Afonso da Motta Ribeiro, com o tema, Honorários Advocatícios: Proteção e riscos diante do cliente, do judiciário e da OAB. Expectativas em relação ao novo CPC. E José Carlos Cal Garcia Filho, com o tema, Honorários de advogado e o crimes de lavagem de dinheiro.

O evento contou com a participação de advogados de Cascavel, além de diretores das subseções da OAB de Toledo, Laranjeiras do Sul e Marechal Cândido Rondon.

Leia matéria completa na Revista Em Ordem - Junho/Julho.

Estão abertas as inscrições para o V Concurso de Fotografia da OAB Paraná, promovido pela Comissão de Assuntos Culturais. Serão duas categorias: uma livre e outra temática, esta com o tema “Se essa rua fosse minha”. As inscrições de advogados, estagiários inscritos na OAB Paraná e funcionários podem ser feitas até o dia 19 de julho, por e-mail (O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.). 

Os participantes poderão inscrever no máximo  duas fotos em cada categoria. É importante observar o regulamento para o envio das imagens.  No dia 30 de julho, a Comissão Cultural publicará o edital com os participantes inscritos. Serão classificadas 60 imagens, sendo 30 em cada uma das duas categorias. O concurso é patrocidado pela Associação dos Procuradores do Estado do Paraná (APEP) e da Caixa de Assistência dos Advogados (CAA-PR). 

Confira o regulamento do concurso.

O presidente da OAB Cascavel, Juliano Murbach, nomeou nesta terça-feira (18/06) uma comissão que irá acompanhar a manifestação que ocorrerá em Cascavel nesta quinta-feira (20/06).
Atentos à intenção de garantir a liberdade de expressão estabelecida pela Constituição Federal, os advogados nomeados, Marcelo Navarro De Morais, Charles Daniel Duvoisin, Jefferson Kendy Makyama e Paulo Roberto Pegoraro Junior irão acompanhar a manifestação, na intenção de que esta seja pacífica e possa refletir os anseios de nossa sociedade, garantindo e preservando o Estado Democrático de Direito.

Na próxima semana estão previstos eventos, em diferentes cidades do Paraná, da campanha de valorização dos honorários advocatícios. A campanha, que tem por lema “Honorários dignos, uma questão de Justiça”, foi lançada em Curitiba durante o Colégio de Presidentes, realizado no último mês de abril, e inicia agora suas ações no interior do Paraná. No período de 25 a 27 de junho o presidente da OAB Paraná, Juliano Breda, vai se reunir com advogados em diferentes cidades, e o vice-presidente e secretário-geral da Seccional, respectivamente Cássio Telles e Eroulths Cortiano Junior, vão participar do evento de lançamento da Campanha de Valorização dos Honorários, promovido pela subseção da OAB Cascavel, nos dias 26 e 27 de junho. “Esses eventos objetivam demonstrar o inconformismo veemente da classe contra o aviltamento dos honorários, principalmente os de sucumbência. Todos os advogados estão convidados a participar desse debate”, afirmou o presidente Juliano Breda. 

As reuniões da campanha com o presidente da Seccional vão acontecer nas seguintes cidades:
Terça-feira (25) na OAB Londrina às 18 horas
Quarta-feira (26) na OAB Cianorte às 11 horas; OAB Loanda às 16 horas e OAB Paranavaí às 18h30
Quinta-feira (27) no Fórum de Nova Esperança às 9h30. 

Na região Oeste do Paraná, o lançamento da campanha será em Cascavel, na quarta-feira (26), às 18h30, em evento coordenado pelo conselheiro estadual Nilberto Vanzo. O evento terá início com a realização de um debate amplo com a advocacia. Conforme o conselheiro, a ideia é realizar uma espécie de assembleia. “No primeiro dia vamos discutir os problemas e deixar aberto o debate para que os advogados participem, apresentem sugestões de como a classe pode enfrentar essa situação dos honorários, seja no momento contratual ou nos honorários de sucumbência. Será um debate geral onde a OAB vai mais ouvir do que falar”, explicou Nilberto Vanzo. Na quinta-feira (27), o vice-presidente da Seccional Cássio Telles e o secretário-geral, Eroulths Cortiano Junior, participam do evento, juntamente com os presidentes das subseções da região e advogados locais. Para ocasião estão previstas as palestras “Honorários advocatícios: Proteção e riscos diante do cliente, do Judiciário e da OAB. Expectativas com relação ao novo CPC”, com o advogado Paulo Afonso da Motta Ribeiro e “Honorários de Advogado e o Crime de Lavagem de Dinheiro”, com o advogado e presidente da Comissão de Defesa dos Direitos Humanos da OAB Paraná, José Carlos Cal Garcia Filho. Os interessados em participar do evento em Cascavel devem se inscrever com antecedência pelo site da ESA. Clique aqui

Disponível em:http://www.oabpr.org.br/Noticias.aspx?id=17538

 

O Presidente da OAB Cascavel, advogado Juliano Huck Murbach esteve na sede da Subseção reunido com Presidentes de outras Subseções do Paraná, e com o Diretor Júrídico da Itaipu Binacional, Cezar Eduardo Ziliotto.
Entre os assuntos tratados esteve a divulgação do Ciclo Permanente de Debates Jurídicos - Direito Empresarial, resultado de parceria entre a OAB Paraná e a Itaipu Binacional. O primeiro Ciclo realizado na nova gestão da Seccional vai acontecer nos dias 23 e 24 de maio, na sede da OAB Foz do Iguaçu. A programação é composta de palestras com juristas renomados do país na área de Direito Empresarial. (Anexo-divulgação)
Incrições pelo site: www.oabpr.org.br/esa